Ler o Manifesto

Baixar o Manifesto (em PDF)

Nós, os abaixo-assinados pedimos que você assine nosso Manifesto.

Nome:

endereço de e-mail:

RG(não será publicado):

organização ou profissão:

Cidade/UF:

Não exibir meu nome no site:

Davi, São Paulo - SP

Luciano Cerqueira Reis, Gerente de Destino Final da LIMPEC - Limpeza Publica de Camaçari, Camaçari - BA

Dan moche Schneider, Consultor Ambiental, Litoral Paulista - SP

Romina Blanco Monteiro, , Ba.Bca. - Argentina

Jussara Lucia de Carvalho, Historiadora, São Paulo

Mateus de Marco, educador popular, Cachoeirinha\\RS

Jessica Dondoni, Ecoeducadora/Atelier do Agave, Porto Alegre/RS

xxxxxxxx, Educação Ambiental, Belo Horizonte

Miryam Mager, Profª Universitária e psicóloga, Maringá

Maria Conceição Amaral Renan de Menezes, Rede de Educação Cidadã, Belo Horizonte

Thaiane Alexsandra Silva de Rezende, estudante de Comunicação Social, Conselheiro Lafaiete

Marcelo Alves de Souza, Engenheiro de Produção, Belo Horizonte

Pollyana Fernandes, Analista de Testes, Belo Horizonte

Helena Couto Barone, Administradora, Porto Alegre/RS

Vera Lucia Aparicio, autonoma, São Paulo

Marcelo Badan Caparroz, MBC, São Paulo - SP

xxxxxxxx, Medico, sao paulo/ sp

Eliege Fante, jornalista, Porto Alegre/RS

Paulo de Carvalho, Designer Gráfico, Niterói-RJ

Márcio Alexandre Buchholz de Barros, Historiador, Belo Horizonte/Minas Gerais

xxxxxxxx, Cooper Rama, Goiânia-GO

xxxxxxxx, SAO PAULO/SP,

Raquel Nantes Tavares, Jornalista, Mauá/SP

xxxxxxxx, , olinda/PE

Bruna, pós graduanda em gestão pública municipal, Rio de Janeiro

VICTOR, Greene Soluções Ambientais (Inverjuvi), GO

Camila Cavalcanti dos Reis Leite, Assistente de operações, São Paulo - SP

João Carlos de Godoy Moreira, Engenheiro de Materiais, Florianópolis -SC

Irapuan Cezar de Oliveira, Ong Candeeiro das Trilhas, Barbalha

Daisi Barbosa de Melo, Enfermagem, Barueri/SP

xxxxxxxx, servidora pública, mg

Antonio Oscar Peixoto Vieira, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Niterói / Rio de Janeiro

Lúcia de Fátima Ferreira, Empresária, Barroso/MG

xxxxxxxx, Soldador, Divinópolis MG

Rommenik, Biólogo, São João da Barra/RJ

xxxxxxxx, Presidente Cooperativa Brasil Recicla Cidades, Rio de janeiro

xxxxxxxx, Contador, São Paulo - SP

Ronaldo Kanopf de Araújo, Engenheiro Ambiental, Santa Maria/RS

Luciane Silva, Educadora, Porto Alegre/RS

Victor Hugo Mathias Rodrigues de Souza, Estagiário, São Paulo/SP

SAYONARA TAVARES, sspbb, pedras de fogo/pb

Luiz Fortunato, FEN - Fundação Ecologica Nacional, Osasco/SP

Lourenco, musico/Cooperativa de Música de São Paulo, Sao Paulo/SP

Fabrício Soares de Borba Corrêa, multiplicador da cadeia solidaria bi nacional do PET, Encruzilhada do Sul

Valéria Nacif, ODESC, Tilburg-Países Baixos

Meirielen Caroline da Silva, Bióloga , Ibiúna /SP

claudilene, estudante, Ouro Preto

Fabiana da Silva Oliani, ITCP/UNIVALI, Itajaí

xxxxxxxx, Administração, Santos

Henrique Rocha, Metalúrgico , Taboão da Serra

Licia, Professor,

Bárbara Hostin Alves, videomaker, Recife/PE

Lícia Costa, assistente social, Paulo Afonso

lorena moreira do vale almeida, Universidade Federal do Sul da Bahia - Ass. administrativo, TEIXEIRA DE FREITAS

Terezinha Rodrigues, Geógrafa, Cuiabá MT

Paulo Nührich, Ecologista, Porto Alegre - RS

xxxxxxxx, , ubatuba SP

Rosane, Psicólog, BELO HORIZONTE

Louise de Assumpção Krüger, Autônoma, Porto Alegre

xxxxxxxx, ONG ECOPHALT, PRAIA GRANDE/SP

9 thoughts on “Assine o Manifesto

  1. Gompanheiros e companheiros,
    Me solidarizo com essa luta. Lutamos para impedir o descarte do lixo urbano em nossa cidade que era jogado às margens do Rio Paraibuna e queimados ao céu aberto diariamente. Conquistamos recursos para construção de uma Usina de Reciglagem em nossa cidade de Simão Pereira. Que até hoje não implantou a coleta seletiva, nem auxiliou na organização dos catadores. Agora a Prefeitura quer implantar em nossa cidade um incinerador, além de trazer lixo hospitalar. Estamos combatendo este projeto, pois sequer há estudos de impacto ambiental e de vizinhança, muito menos as licenças ambintais, sequer prévias ou de instalação.
    Contamos com a solidariedade também de vocês.
    Saudações e um 2012 repleto de conquistas.
    Vereador Gilson Chapinotti

    1. Książki w postaci krysztaÅ‚ków – hm…Też czytaÅ‚am tÄ™ powieść ale wiele lat temu, nawet już o niej zapomniaÅ‚am. Dopiero teraz rozjaÅ›niÅ‚a mi siÄ™ jej treść. PamiÄ™tam, że zrobiÅ‚a na mnie duże wrażenie, że zdumiaÅ‚ i przeraziÅ‚ mnie ten Å›wiat, który zastali bohaterowie po powrocie na ZiemiÄ™. Mam ochotÄ™ sobie przypomnieć: ale te wszystkie moje ochoty ostatnie robiÄ… siÄ™ nieznoÅ›nÄ… tÄ™sknotÄ… wobec ograniczeÅ„ cz&20wycha#8s3o;… MiÅ‚o byÅ‚o to przeczytać!Pozdrawiam!

  2. Jessica Dondoni / Atelier do Agave

    Sabe qual o resultado final desta incineração ? Pobreza, tragédia, descontrole. Ficaremos sem solo, onde pisaremos ? O planeta irá sumir. Ficaremos sem adubo ! Quando se tem seca solo fica rachado precisa de terra, a terra é formada por resíduos. Irão queimar todo nosso solo !!!! Não querem raciocinar, querem gastar, capitalizar, sofrer, matar. Sou a favor da compostagem, da reciclagem. Incineração apenas para o lixo de clínicas e hospitais.

  3. Mundo louco

    O que está acontecendo no apagar dos refletores em Brasilia , onde está havendo um grande lobby pela usina de plasma , para uso do lixo na produção de energia? Segundo fontes estão tentando colocar este projeto no PAC! Inclusive com ajuda de um irmão do Lula…. Fiquem de olho aberto!!!

  4. Mundo louco

    Em uma iniciativa inédita, o deputado Ricardo Izar (SP) conseguiu que o Governo Federal incluísse o financiamento da tecnologia de plasma no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A tecnologia transforma lixos depositados em energia sustentável e de qualidade e, segundo o parlamentar, trará ganhos econômicos e sociais relevantes para o país.

    “Conseguimos que a tecnologia de plasma seja reconhecida e incluída no próximo financiamento do PAC. É um grande ganho para o Brasil em termos de sustentabilidade. Esperamos que municípios e Estados possam conhecer logo as possibilidades oferecidas por essa tecnologia e entendam o objetivo da iniciativa”, disse Izar.

    Segundo Izar, o sistema é não poluente e considerado como o mais moderno do mundo. “A energia de plasma é necessária no Brasil. Podemos resolver a falta de energia instalando usinas regionais e ainda resolveremos outro grande problema dos municípios que é a questão dos aterros sanitários”, analisou.

    Para defender sua proposta, Ricardo Izar trouxe ao país Walter Howard, diretor da Westinghouse Plasma Corporation e uma das maiores empresas do ramo de tecnologia de plasma do mundo.

    Howard explicou que a tecnologia de plasma trata o lixo por meio da gaseificação dos resíduos, com temperaturas muito elevadas, acima das obtidas na combustão, sistema que causa menos impacto ambiental que as outras formas de tratamento dos detritos. Neste processo, o plástico é quebrado em moléculas e o alumínio funde-se, voltando a ser matéria-prima e gerando energia.

    “Estamos muitos satisfeitos de estar aqui no Brasil com uma tecnologia sustentável que foi inicialmente desenvolvida para o programa espacial norte-americano e agora está em operação em muitos países”, ressaltou Howard. Segundo ele, a tecnologia já é utilizada há mais de dez anos em países como Estados Unidos, China, Japão e Inglaterra.

    Da Redação

  5. Guerra

    Eu li muita matéria didática de Universidades do Brasil (UFSC, UNICAMP, USP-FÍSICA, ITA-SP, UERJ, UFRN ENTRE OUTRAS) que comprovam que o plasma não é incineração e que realmente é uma tecnologia limpa e pode acabar com os aterros. Creio que é uma tecnologia que todos interessados na área devem conhecer melhor pois realmente PLASMA NÃO QUEIMA!

    1. admin

      Guerra, coloca a mão lá então…

  6. suelvitt

    ola desejaria saber quando estes investimentos para a construçao destas usinas estaraoliberados,en minha cidade ja esta sendo preparado uma area para a construçao de uma usina …um abraço

  7. Valéria Nacif

    E, que fique claro para todos que a proibição da incineração em fornos de cimento deve se tornar um fato rápido, já que as cimenteiras estão começando a incinerar lixo urbano!!!
    Para maiores detalhes veja o artigo Holcim INsustentável!!!

Leave a Comment