none

O DAG tratará as seguintes metas a nível global, além dos objetivos locais que cada grupo deseje ressaltar:

–      Suprimir as subvenções públicas para a incineração de resíduos.

–      Terminar com os subsídios do clima para os incineradores e os formulários sanitários.

–      Garantir que os fundos para o clima nacional e mundial (incluindo o Fundo Climático Verde) apóiem as iniciativas de lixo zero. Se você ainda não se registrou, convidamos a que se registre. Você pode organizar uma atividade de acordo com as suas necessidades e capacidades (comunicado de imprensa, eventos, encontros para a reflexão, ações nas ruas).

Para se registrar, por favor entre em: http://www.zoomerang.com/Survey/WEB22CN84GFHTL

Dessa maneira poderemos gerar uma lista de atividades em todo o mundo para dar mais força à nossa mensagem.

Muitos já estão se organizando!

Na China, o Centro de Ecologia Wuhu (WEC) aproveitará a ocasião, a través do nosso servidor de listas do idioma chinês, para criar e aumentar a consciência entre os membros do GAIA e sócios sobre como se financiam os projetos de incineração.

A informação chegará a mais de 100 grupos e pessoas inscritas da China continental, assim como de Taiwan. Também vão utilizar o “conselho comunitário” deles para estimular a discussão sobre o tema e se trabalhará com grupos de estudantes para promover a classificação de resíduos e separação na origem.

No Japão, nosso colega Takeshi Yasuma da “Cidadãos contra a contaminação Química” traduziu a nossa declaração e vai procurar grupos e aliados no Japão para assiná-la.

Na Itália, Ambiente Futuro, Gaia e a Rede Italiana de Lixo Zero, ralizarão um encontro com 50 prefeitos representantes dos municípios que incentivam as políticas de Lixo Zero no país.

Na Índia, se organizarão atividades de protesto dirigidas à instalação de um incinerador de resíduos.

Na Espanha, nossos colegas com base em Barcelona Joan Marc Simon e Mariel Vilella publicarão um relatório em um jornal nacional alternativo sobre resíduos e incineração.

Na Argentina, se apresentará o vídeo sobre o Lixo Zero, produzido pela GAIA e a Oficina Ecologista, em diversos pontos do país, assim como a distribuição de comunicados de imprensa sobre o alcance da DAG y palestras dirigidas à estudantes.

No Brasil, a Coalizão Nacional Anti Incineração, que reúne três dos sócios mais ativos do GAUA na América Latina, organizará o Seminários “Resíduos Sólidos: alternativas sustentáveis” em São Bernardo do Campo, onde há uma iminente ameaça de instalação de uma incineradora de resíduos municipais.

Na África, o nosso membro do Comitê Diretivo Anabela Lemos, da Justiça Ambiental, celebrará o DAG em Moçambique.

Por favor, nos avisem e contem sobre as suas atividades para o DAG. Esperamos a sua entusiasmada participação e solidariedade.

Ainda resta tempo para organizar uma atividade na sua cidade.

 

CONVOCATÓRIA

Dia de Ação Global contra o lixo e a incineração 2011
“Não aos fundos climáticos e públicos para a energia suja”

 

Saudações cordiais da Aliança Global para Alternativas à Incineração / Aliança Global Anti-Incineração (GAIA)

 

GAIA tem a honra de convidar os nossos estimados membros e amigos/as de todas as regiões para se juntarem à nossa celebração anual do Dia de Ação Global (DAG) contra o lixo e a incineração.

 

DATA: De acordo com a sugestão de alguns participantes do DAG do ano passado, este ano se celebrará dia 30 de Setembro. Como esse pode não ser o momento mais adequado para todos, os grupos participantes têm a opção de organizar suas atividades uns dias antes ou depois de 30 de Setembro. O ideal seria, como é óbvio, se a maioria das atividades se pudessem organizar a 30 de Setembro, de maneira a conseguirmos uma melhor projeção global.

 

TEMA: O financiamento de incineradores e outras tecnologias sujas de eliminação de resíduos é um problema comum para os membros do GAIA no mundo inteiro. Nossa capacidade de desviar os fundos dos projetos de incineração sem dúvida ajudará não só a obstruir como também, em última instância, a acabar com os incineradores e a abrir o caminho para soluções reais de LixoZero. Aliás, nosso sucesso em influir no curso dos processos nacionais e mundiais para a criação de fundos para o clima que excluam a financiamento de tecnologias sujas sem dúvida dará lugar à redução do número de projetos de incineradoras e aterros, conforme se reduza o financiamento. Por estas razões, o DAG deste ano colocará em relevo os aspetos financeiros que nos ajudarão a conseguir em conjunto os seguintes objetivos:

 

  1. deter as subvenções públicas para a incineração de resíduos
  2. acabar com os subsídios climáticos para os incineradores e aterros sanitários
  3. assegurar que os fundos nacionais e mundiais para o clima (incluindo o novo Fundo Verde para o Clima) promovam sistemas de Lixo Zero.

 

Como GAIA, não queremos nem que o dinheiro dos contribuintes seja esbanjado, nem que se gerem incentivos fiscais para a construção e o funcionamento de incineradores, aterros e outras instalações poluentes. Como GAIA, não queremos créditos de carbono para as más tecnologias que não só aumentam as emissões de gases de efeito de estufa, como também perpetuam a injustiça climática e reduzem as oportunidades de emprego no setor da reciclagem (por exemplo, os catadores de lixo e os recicladores formais).

Como GAIA, queremos que o Fundo Verde para o Clima, bem como outros fundos climáticos, incluindo a ajuda para o desenvolvimento e a cooperação dos organismos financeiros nacionais e multilaterais, não repita os erros do MDL subsidiando os incineradores e aterros sanitários, e, no seu lugar, apoie a prevenção e redução de resíduos, a separação na origem, a reciclagem, a compostagem, a biodigestão e a plena integração social.

 

ATIVIDADES: O DAG oferece uma oportunidade única para o ativismo global e tanto o alcance como o tipo de atividades que se podem levar a cabo dependerão da energia, o engenho e a criatividade dos participantes. Aqui vai uma lista aberta de atividades que vocês poderão eventualmente colocar em prática:

 

  • Assinar, traduzir e incentivar outros, tanto indíviduos como grupos, a assinar a Declaração global do Gaia sobre o financiamento climático (irão recebê-la prontamente)
  • Adotar o modelo do nosso comunicado de imprensa do DAG e dar ampla difusão a seus contactos com os media
  • Organizar atividades educativas para sensibilizar seus membros, bem como líderes comunitários e ativistas, sobre temas de financiamento climático
  • Reunir-se com redes de ação e justiça climática para partilhar suas lutas e pedidos
  • Manter diálogos e reuniões com os negociadores do clima (especialmente dirigido aos negociadores do Comité de Transição de 40 países do Fundo Verde para o Clima)
  • Co-organizar com grupos de catadores um ato público para exercer pressão a favor do financiamento de programas que incluam LixoZero
  • Mobilizar a opinião pública utilizando as redes sociais
  • Consultar as notícias publicadas nos meios de comunicação
  • Lançar uma petição on-line para pedir o reencaminhamento de subsídios para os sistemas de Resíduos Zero
  • Realizar inquéritos públicos para conhecer a opinião das pessoas sobre políticas ou projetos de resíduos existentes ou propostos
  • Organizar encontros pacíficos de protesto em frente das empresas e das instalações de incineração, ou nos escritórios do governo encarregues de dar a autorização

 

 

GAIA preparará materiais de informação básica sobre o financiamento climático, bem como material criativo que pode ser utilizado para apoiar as atividades locais.

REGISTE-SE AGORA: Para registar sua participação, por favor visitem:

 

http://www.zoomerang.com/Survey/WEB22CN84GFHTL/

 

Também podem comunicar com a equipa do GAIA caso tenham algum problema.

 

Muito obrigado pelo seu interesse e solidariedade.

 

EQUIPA DE COORDENAÇÃO DO GAIA

Leave a Comment